Tratamento Médico

Unidade de Saúde Capilar

Tratamento Cirúrgico

‌MICRO-ENXERTOS

Método FUE

A área doadora é cuidadosamente estudada, tanto na densidade quanto na qualidade do cabelo, que dependerá das características de cada paciente.

Os folículos são extraídos, um por um, antes de prosseguir para o implante.

É muito importante seguir um padrão de extração adequado para evitar a extração excessiva, o que poderá afetar a área doadora no futuro.

As unidades foliculares são implantadas na área a ser repovoada através de incisões individuais finas, respeitando a direção natural do cabelo do paciente.

 

Método FUSS

O médico cirurgião remove uma tira de couro cabeludo da área doadora, que é imediatamente suturada com uma sutura especial para o couro cabeludo. Deixa como cicatriz uma linha fina praticamente invisível e através da qual o cabelo cresce.

Uma vez que a área doadora é removida, é dissecada para obter as unidades foliculares que serão implantadas na área de recepção.

As unidades foliculares são implantadas na área receptora através de incisões individuais muito finas respeitando a direção natural do cabelo em cada paciente e projetando, por sua vez, uma linha frontal de implantação com contorno irregular, dando assim uma aparência natural ao transplante.

 

ARRANJO DE MICRO-ENXERTOS

O aumento do número de pacientes que usam enxertos capilares significa que, há também uma maior incidência de cirurgias que não foram bem-sucedidas ou mal realizadas. As causas podem ser muito variadas: o uso de técnica inadequada, resultados insatisfatórios ou insuficientes, falta de naturalidade, o efeito desagradável conhecido como “pêlos no pulso”, a perda de cabelo inicialmente recuperada, sequelas ou cicatrizes nas áreas tratadas, e até mesmo a falta de estética.

Mas o resultado é sempre o mesmo: um paciente que se sente frustrado e que deixou no caminho ilusões, expectativas, dinheiro e em alguns casos, com consequências para sua saúde.

Existe uma solução para a maioria das cirurgias que não tiveram sucesso, o que permite ao paciente obter os resultados desde sempre esperados, com um tratamento restaurador.

 

REPOSIÇÃO DE SOBRANCELHAS

Embora os micro-enxertos mais comuns sejam realizados no couro cabeludo, os bons resultados dessa técnica ampliaram o seu uso para outras áreas, como as sobrancelhas, que podem ser repovoadas quando deixam de nascer.

O preenchimento das sobrancelhas é uma das cirurgias mais solicitadas. A sobrancelha é um dos elementos essenciais da nossa imagem, tanto em homens quanto em mulheres, porque são aqueles que contribuem com grande parte da expressão para um rosto: é a moldura do rosto. Depilação excessiva, perda de cabelo devido à idade ou outras doenças podem ser resolvidas com um micro-enxerto. Também aqui podemos corrigir uma intervenção anterior mal sucedida.

É uma área complexa e uma cirurgia delicada, na qual priorizamos o design, estudando previamente a imagem e a face do paciente, e tomando o máximo cuidado com a direção da curvatura para obter um efeito natural. O tratamento é definitivo.

Esta técnica também pode ser aplicada para cobrir cicatrizes ou repovoar o cabelo em qualquer parte do corpo.

 

ALOPECIAS CICATRICIAIS

Embora há alguns anos fossem consideradas doenças raras, nos últimos anos as alopecias do tipo auto-imune tiveram um aumento significativo. É um conjunto de doenças que afecta o couro cabeludo e faz perder todo o cabelo, deixando uma cicatriz permanente.

A detecção precoce é essencial para reduzir os seus efeitos nos pacientes. A alopécia cicatricial requer tratamento médico, mas também pode ser aliviada com uma cirurgia e prótese apropriadas.